Vice-presidente de PAIGC, lamenta e condena a morte da jovem rapariga de 22 ano por falta de oxigénio.

A vice-presidente do Partido Africano para Independência da Guiné e Cabo Verde, (PAIGC), Odete Costa Semedo, lamentou e condenou esta Segunda-Feira, 14 de Junho de 2020, os contornos da morte da jovem rapariga de 22 anos que por ” falta de oxigénio”, faleceu no passado dia 11 do corrente mês no Hospital de Cumura região de Biombo, Norte da Guiné-Bissau.

Na Conferência de imprensa realizada na sede do partido, em Bissau, Costa Semedo, considera a situação de ” brincadeira ” tendo afirmado que a classe política guineense esta “mais interessada nos assuntos pessoais ” deixando de lado os ” superiores interesses da nação ”  

Recorde-se que na semana passada as autoridades sanitárias nacionais, lamentaram numa nota, a morte da jovem rapariga.

Num tom de raiva e de desespero, Odete Semedo, afirma que ” não é normal depois de 46 anos de independência o país não encontrou ainda o caminho da estabilização e consequente desenvolvimento. O que segundo Odete é ” da responsabilidade dos políticos ” 

De acordo com a vice-presidente do PAIGC, os guineenses têm dever e responsabilidade de fazer da Guiné-Bissau uma nação de homens e mulheres dignos e dignas. Fazendo alusão ao contencioso eleitoral interposto no Supremo Tribunal de Justiça, pelo candidato Domingos Simões Pereira, Suportado pelo Partido Africano para Independência da Guiné e Cabo Verde ( PAIGC )    

Comentarios
estámos no facebook

cap gb o amanha começa aqui

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante:

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ligue-nos

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x