V Congresso UNTG: Laureano Pereira promete lutar pelo salario mínimo de 117.500 fcfa

Por: Laércia Valeriana Insali

O candidato Laureano Pereira Da Costa, entregou esta quarta-feira 04/05/2022 a sua candidatura para o cargo de secretário-geral da união nacional dos trabalhadores (central sindical), para V congresso em que promete lutar pelo aumento salarial de mínimo para 117.500 fcfa caso lidere a UNTG.

O concorrente para o mais alto cargo da central sindical, deu garantias em desenvolver nas carreiras profissionais dos professores, suas colocações em grande quantidade, rejuvenescer o corpo docente e trabalhar em defesa de uma escola pública de qualidade.

Pereira Da Costa falou a imprensa sobre a sua motivação a candidatura ao cargo do secretário-geral preende-se com os direitos de trabalhadores que devem ser respeitados durante seu mandato.

“A persistência da minha candidatura alimenta-se dos objetivos programáticos na defesa e realização constante da democracia nas suas dimensões políticas, económicas, social e cultural que garanta uma sociedade mais justa e desenvolvida, que dignifique o trabalho e os trabalhadores guineenses e que os seus direitos e liberdades sejam respeitados, de modo que o estado deve assumir em plenitude a promoção dos direitos”.

Laureano Pereira garante ainda caso for eleito aumentar de forma geral (trabalhadores dos setores públicos e privados) os salários mínimo de 117.500 francos cfa, lutar pela justiça na repartição da riqueza, e não só, combater as injustiças e desigualdades e melhorar crescimento de emprego na vida dos trabalhadores, que para ele o país continua marcado pelo desrespeito pelas profissões, carreiras e estatutos profissionais, pela precarização dos vínculos laborais.

Autor: CAP-GB

Partilhe este artigo

cap gb o amanha começa aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante: