UEMOA: Os bancos registaram um aumento global dos lucros de cerca de 20% em 2020

Eco/Finança

O lucro líquido do sector bancário da UEMOA aumentou 19,8% em comparação com 2019, de acordo com os dados do relatório anual da Comissão Bancária. O montante é de CFAF 551,8 mil milhões (cerca de 994 milhões de dólares), contra 460,6 mil milhões em 2019, num contexto marcado pela pandemia de Covid-19.

De acordo com o documento de 312 páginas consultado pela Financial Afrik, os bancos da Costa do Marfim obtiveram um lucro de 242,5 mil milhões (cerca de 45%), superando largamente os do Burkina (92,5 mil milhões), Senegal (85,4 mil milhões) e Mali (61,9 mil milhões). As instituições beninenses registaram um lucro de 24,5 mil milhões, pouco à frente do Níger (23,9 mil milhões). Os mercados togolês e guineense vieram em último lugar com CFAF 18,4 mil milhões e CFAF 2,8 mil milhões, respectivamente, em rendimento líquido.

Por seu lado, as receitas bancárias líquidas da União ascenderam a 2.347,7 mil milhões de CFAF em 2020, o que representa um aumento de 8% ao ano. E o rácio de exploração líquido caiu para 64,3% em 2020 contra 66,7% em 2019, de acordo com a Comissão Bancária.

“Os activos totais das instituições de crédito em funcionamento ascenderam a 47.718,5 mil milhões, um crescimento de 14,8% em relação a 2019. As utilizações líquidas aumentaram 14,9% para 41.460,7 mil milhões, dos quais 60,3% eram empréstimos a clientes e 25,9% títulos de investimento”, disse a mesma fonte.

Em 2020, o sistema bancário dos 8 países da África Ocidental que partilham o Franco CFA foi animado por 149 instituições de crédito licenciadas em funcionamento.

Comentarios
estámos no facebook

cap gb o amanha começa aqui

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante:

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x