SISSOCO EMBALÓ: António Costa visita Bissau na primeira semana de Novembro.

O Presidente da República da Guiné-Bissau Umaro Sissoco Embaló anunciou este sábado 10 de Outubro de 2020 que o Primeiro-ministro português António Costa vai efeturar uma visita à Bissau na primeira semana de Novembro próximo.

O chefe de Estado Guineense falava no Aeroporto Internacional Osvaldo Vieira depois de ter regressado de Portugal onde esteve durante três dias numa visita oficial. Na ocasião, Sissoco Embaló considerou de positivo a sua viagem,afirmando que Portugal sempre sempre foi amigo do povo guineense e desvalorizou a contestação feita por um grupo de cidadãos guineense.

Aos jornalistas, o chefe de Estado diz ter visitado o presidente da Assembleia Nacional Popular guineense Cipriano Cassamá que se encontra em Portugal para tratamento médico. Afirmando que Cassamá está bem e a recuperar de forma gradual da cirurgia que sofreu no joelho.    

Questionado se também durante a sua estada foi debatida à situação dos antigos militares portugueses, Sissoco Embaló garante que o governo português está empenhado em resolver esta situação e com a visita do chefe do Governo Português em Novembro à situação dos mesmos merecera uma análise entre os Ministros da Defesa Guineense e Português.

Em relação aos dois ativistas Políticos Carlos Sambú e Quebá Sané (R.Kelly) que na sexta-feira 09 de Setembro denunciaram que foram raptados espancados pelo chefe de Segurança da Presidência da República no palácio da República, Sissoco Embaló diz ter recebido informação sobre estas denúncias. Tendo prometido que caso for provado pela justiça, os responsáveis terão consequências graves, uma vez que à presidência não é esquadra policial.

Contudo, questiona o posicionamento do Presidente da Liga Guineense dos Direitos Humanos Augusto Mário da Silva, uma vez que, segundo ele, o mesmo, não aconteceu no espancamento do Deputado da Nação Marciano Indi e do Cidadão Danilson Ferreira vulgarmente conhecido por (N’dinho).

A situação de livre circulação no espaço da Comunidade dos Países da Língua Portuguesa CPLP esteve também em análise com as autoridades portuguesas. Daí que Sissoco Embaló anuncia que, brevemente o governo guineense vai iniciar com o processo de revisão dos passaportes diplomáticos, de serviço e ordinário e a sua consequente atribuição, o que segundo ele, vai permitir mudar a imagem externa do país.

Finalmente, Embaló diz ter mantido encontro com a comunidade guineense residente em Portugal e lhes prometeu que brevemente vai se abrir novos consolados nas cidades de Porto e Algarve facilitando à renovacao dos seus documentos.

Comentarios
estámos no facebook

cap gb o amanha começa aqui

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante:

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ligue-nos

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x