Greve no setor da saúde: “Continua a existir incumprimento dos acordos, por parte do Governo”

O sindicato Nacional dos enfermeiros, técnicos de saúde e AFINS, retomaram esta quinta-feira 08/10/2020, a greve no setor de saúde pública.

O presidente do SINETSA, Yoio João Correia, disse que o sindicato deu benefício de dúvida ao governo que originou na suspensão temporária do greve até o passado dia 07 de Outubro de 2020, de modo que o governo nao cumpriu com a maioria dos pontos citados no caderno reivindicativo.

Durante o encontro com a imprensa, o dirigente do Sindicato exige uma boa condição de trabalho, e o pagamento de subsídios de isolamento a alguns Técnicos de saúde desde 2015. Yoio Correia, contou ainda que até momento não foi concluído o processo efetivação dos colocados em 2018, afirmando que estes não recebem regularmente.

Fachada principal, Hospital Nacional Simão Mendes

Esta primeira fase do greve termina no dia 13 de Outubro do corrente mês as 16h. E caso o governo não encontrar solução prosseguirão com a segunda fase.

Em nome do sindicato Nacional dos enfermeiros, técnicos de saúde e AFINS, Yoio Correia apela a compreensão da população.

De salientar que esta vaga de greve, decorre em momento em que o país e o mundo enfrenta grave crise sanitaria, causada pelo COVID19.

Comentarios
estámos no facebook

cap gb o amanha começa aqui

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante:

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ligue-nos

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x