Setor de energia: EAGB ameaça novamente fechar as portas

Por: Ussumane Baldé

O sindicato de base da EAGB ameaça entrar em greve apartir dos próximos dias 06,07,08 do mês em curso.

Os funcionários reivendicam pagamento do salários assim como inscrição dos trabalhadores na segurança social, caso contrário vão a greve de três dias apartir da próxima quarta a sexta-feira.

O presidente do sindicato da eletricidade e água da Guiné-Bissau, falava esta sexta-feira, 01-04-2022, numa conferência de imprensa realizada nas instalações da central elétrica de Bissau, em que acusou o patronato de não levar em conta as exigências que constam no caderno reivindicativo.

” Benefício de dúvida que demos ao governo junto á direção da EAGB não surtiu nenhum efeito, por isso vamos entrar em greve, acompanhado de marcha pacífica na sede da EAGB junto a Baiana”.

Mário Banca, disse que não vão pagar consequências do desentendimento entre o governo e os consórcios que estão a gerir a EAGB a mando do próprio governo.

“Assinaram um acordo que ninguém de nós sabe e há desenvolvimento entre eles, mas não seremos nós pagar as consequências da infuncionalidade da referida parceria”.

Banca, lembrou que próprio estado guinnense está prejudicar o normal funcionamento da EAGB, porque não paga completo a factura gasta por consumo mensal nas suas instituições e sobre o serviço mínimo, disse que depende da última reunião que vão realizar antes de greve.

“O estado só paga quinhentos milhões de CFA um montante muito inferior o seu consumo e sobre serviços mínimos vamos ver após a reunião que vamos ter”.

De acordo com o presidente do sindicato da EAGB, alguns dos seus companheiros estão a sofrer por vítimas de acidentes laborais no entanto são abandonados pelas autoridades, “um colega caiu durante o trabalho e está a passar mal, precisa de junta mas como não nos escreveram na segurança social está a ser difícil e também outro que queimou o rosto está abandonado num dos hospitais da capital”.

Autor: CAP-GB

Partilhe este artigo

cap gb o amanha começa aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante: