REMP- GB: Mulheres precisam ainda de remover muitos obstáculos começando por psico-sociológicos e políticos

Por: Epifania Correia Gomes


Afirmação é feita hoje 24.08.2021 durante o seminário destinado aos Mulheres parlamentares sob tema, responsabilidade dos Deputados face ao eleitorado e Igualmente Equidade do Género.

Durante abertura do seminário A presidente da Rede das Mulheres Parlamentares da Guine-Bissau, REMP-GB Isabel Kassimo Gomes, disse que a pluripartidárismo reforçou o papel da Mulher na esféra da tomada de decisão, que consolidou apartir 2014 que permitiu aprovação da lei de paridade em 2018 que impõe 36% das Mulheres na lista de cada partido político.

No decorrer do seu discurso Isabel enalteceu que as Mulheres precisam ainda de remover muitos obstáculos começando por psicossociológicos e políticos que condicionam uma verdadeira participação da Mulher na vida política do país.

As estatísticas confirmam a importância das Mulheres na vida econômica social, os dados recente da Pobreza, IDRF TERCEIRO 2015 mostra que 51% das pessoas que vivem na pobreza absoluta são Mulheres e 44% dos pobres vivem em família chefiadas por Mulheres.

“ Os homens continuam até hoje á pisar nas Mulheres demonstrando que as Mulheres não merecem”, disse para de seguida acrescentar que existem mulheres capacitadas, “vamos continuar a lutar e todas unidas na mesma voz alcançaremos o objetivo é por isso que estamos a falar da igualdade e equidade do género por que estamos a ser penalizados”. Falou a presidente aconselhando as mulheres abstenencia do rancor e encarar a realidade mostrando que são capazes de dirigir o país sem no entanto minimizar os esforços dos homens.

“Sempre lutamos e colocamos os homens no poder, mas não são capazes de responder a nossa expectativa por isso pedimos que nos dão a licença para que possamos dirigir o destino dessa pátria que eles fiquem como observadores”. Disse Isabel Kassimo Gomes.

Autor: CAP-GB

Partilhe este artigo

cap gb o amanha começa aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante: