RAESE/GB preocupado com o silêncio do Ministério da Educação Guineense

A rede das associações estudantis da Guiné-Bissau, REASE/GB, manifestou esta terça-feira 16/06/2020 preocupado com o silêncio do Ministério da Educação face a anulabilidade do ano letivo 2019/2020.
Na conferência de imprensa, o presidente da rede, Fodé Dabó, garante que a REASE/GB está determinada a entrar com ações conjuntas a aceitação do governo face a validação deste ano letivo, sobretudo aos que iniciaram desde o Outubro do ano 2019 cuja maioria estudaram mais de cinco meses.
Fodé Dabó, afirma que a rede está disposto a salvaguardar os anos letivos 2019/2020 e 2020/2021 caso o silêncio não for sustentado. E será convocada um debate com os alunos de diferentes escolas, seja liceus, escolas superior e movimentos das organizações civis.
De salientar que a rede das associações estudantis da Guiné-Bissau é uma organização de âmbito acadêmico e de carater social, e estudantil, laico e apartidário regido a estatuto, lei e regulamento interno.

Comentarios
estámos no facebook

cap gb o amanha começa aqui

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante:

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ligue-nos

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x