Presidente da República enaltece papel das Mulheres no processo do desenvolvimento

Por:Ussumane Baldé

Presidente da República falava esta terça-feira 23-11-2021, durante a abertura do programa “mulheres, paz e segurança”, ações e iniciativas focalizadas para melhorar os resultados e o impacto na África ocidental e no Sahel.

Open Day regional deste ano tem como objetivo identificar ações e iniciativas prioritárias a serem empreendidas a fim de melhorar os resultados e o impacto da implantação da resolução 1325(2000) sobre as mulheres,a paz e a segurança na região.

Na sua comunicação no ato da abertura, Umaro Sissoco Émbalo falou do papel das Mulheres e Jovens no desenvolvimento.

“ As mulheres têm papel preponderante no desenvolvimento do país. E é muito importante associar mulheres e juventude no processo do desenvolvimento dos países da África ocidental e no Sahel” disse Chefe de Estado

Por sua vez, Ministra da mulher, família e solidariedade social, Maria da Conceição da Évora, disse que é uma grande oportunidade discutir o papel da mulher na participação da decisão da paz e segurança nos países da CEDEAO e Sahel.

Ministra da mulher, família e solidariedade social, Maria da Conceição da Évora

“Foi uma oportunidade de discutirmos iniciativas e abordagens novas e apropriadas a serem direcionadas na prevenção dos conflitos, gestões e esforços de construção de paz afim de acelerar a implementação do programa mulher, paz e segurança na África ocidental e Sahel, e os conflitos armadas, desastres naturais derivadas de climáticas uma vez que têm consequências devastadores inclusive no agravamento disparidade entre mulheres e homens”

Para conceição Évora, mulheres e meninas são os principais alvos de todos tipos da violência com principal incidência para violência sexual.

Ainda, realçou o trabalho que o país tem feito no sentido das mulheres participarem nas tomadas de decisões necessário para o país. Por outro lado, relembrou que já foi definido no país a lei da paridade de 36%,lei contra a excisão feminina, lei contra tráfico das pessoas.

Maria da Conceição considera que tudo isso não é suficiente se não for concretizado a resolução 1325, que lança a base do entendimento de que a construção de paz sustentável depende da ampliação de paz, das mulheres e do combate a todas as formas de violências contra o gênero.

De salientar que estavam presentes no encontro 16 personalidades vindos dos deferentes países que compõem CEDEAO e Sahel, e representante das nações unidas em África Sahel, Mohammed Saleh Annadif, coordenador sistemas nas unidas Jean Maria kipela, representante do CEDEAO, presidente interino do conselho para África ocidental e Sahel G5,Amina Priscille.

Autor: CAP-GB

Partilhe este artigo

cap gb o amanha começa aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante: