Pós-Covid-19 “BAD vai disponibilizar 12 milhões de dólares para relançamento económico da Guiné-Bissau”

O Conselho de Administração do Banco Africano de Desenvolvimento (BAD), aprovou uma ajuda no valor de 12 Milhões de dólares a favor da Guiné-Bissau para resposta a PÓS-COVID-19.

A informação foi avançada pelo Presidente do BAD, AKINWIMI ADESINA, ao chefe de Estado Guineense Umaro Sissoco Embaló, durante uma audiência concedida em Abidjam este domingo 12 de Dezembro 2020, onde se encontra Umaro Sissoco Embaló para assistir nesta segunda-feira a cerimónia de investidura do Presidente reeleito daquele país, Alassan Dramani Ouatarra.

No encontro com o chefe de Estado guineense Umaro Sissoco Embaló, Adesina garantiu ainda que o BAD cuja sede em Abidjam, aprovou um pacote de ajuda de 172 Milhões de dólares em diversas áreas para acompanhar o novo presidente da Guiné-Bissau nos próximos anos na implementação do seu plano de desenvolvimento do País.

O líder o BAD, destacou igualmente a optimização da potencialidade natural de que a Guiné-Bissau dispõe para garantir o seu desenvolvimento, tendo destacado por exemplo, a produção local de arroz, através de um programa denominado ” Transformação Agrícola e Tecnológica em África” (TAAT).

A Guiné-Bissau importa por ano cerca de 150 mil toneladas de arroz por ano, calculado em 75 Milhões de dólares.

O Presidente do Banco Africano do Desenvolvimento, referiu igualmente de um projecto a ser implementado nos países africanos de expressão portuguesa PALOPs que Portugal decidiu financiar num valor de 400 milhões de dólares.

Fonte: Gabinete do PR 

Comentarios
estámos no facebook

cap gb o amanha começa aqui

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante:

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ligue-nos

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x