Politica: Líder do PAIGC vê 2023 como ano de grandes desafios

Por: Aissatu Sanha

Domingos Simões Pereira, recebeu esta quarta-feira 11/01/2023 toda estrutura do partido para cumprimento do ano novo, na sede principal do PAIGC.

O Líder dos libertadores asseverou que ano 2023 será importante devido a marcação das eleições legislativas prevista para o mês de Junho do ano em curso, igualmente, por ser um momento de grandes decisões da parte do povo Guineense.

Simões Pereira revelou constatar que o povo olha para a estrutura do partido com esperança, acreditando que a única expetativa do povo é de ver o PAIGC a resgatar o poder. Para ele, o encontro de hoje serve para renovar a determinação de toda estrutura, de que jamais temerão a perseguição e sequestros porque são incumbidos pelo povo a derrotar qualquer que seja ameaça e violação.

“A nossa vitória tem um nome e esse nome é o povo Guineense, por isso, os atores não perseguem todo povo mas sim o PAIGC”,expressou.

Na mesma ótica, DSP disse ainda que o militante ou dirigente do PAIGC não é agredido só pelo fato de ser membro ativo do partido, mas sim, como parte de um povo que se sente “silenciada”.

Questionado sobre sua avaliação a respeito do processo eleitoral, Domingos Simões Pereira foi “explícito” na sua explicação apresentando duas diretrizes, tendo como a primeira emitida para os cidadãos no sentido de terem noção de que um dos recursos para enfrentar a situação do país é o voto, a parte da sua posição com o regime e ao Partido, exorta-o de continuar a operacionalizar e reclamar sobre a decisão da manutenção de um CNE “credível e legal”.

Em nome das estruturas do partido dos libertadores, Cadi Seide congratulou-se com as expectativas apresentadas pelo Presidente DSP para o ano 2023, esclarecendo a população de que o PAIGC participará ativamente nas eleições legislativas, convidando-a assim para recensearem a fim de dar poder ao Partido nas urnas.

“Como pede a população, a vitória será nossa, sendo Partido que tranquiliza vossa alma”, proferiu Seide.

Por fim, apela ao povo Guineense que participem na fiscalização do processo eleitoral para evitar qualquer tipo de fraude.

Autor: CAP-GB

Partilhe este artigo

cap gb o amanha começa aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante: