Maria da Conceição Évora: “É imperativo a sensibilização das práticas nefastas e seus males”

A ministra da Mulher, Família e Solidariedade Social, Maria da Conceição Évora, alegou esta quarta-feira 25/11/2020 que a sensibilização e a promoção das práticas nefastas é imperativo.

Conceição Évora, proferia no lançamento oficial da jornada de 16 dias de ativismo em comemoração a dia Internacional de luta contra violência nas mulheres que, o abandono das práticas prejudiciais vai acabar com as limitações que impedem as mulheres e crianças a contribuírem no processo de desenvolvimento sustentável do país.

A titular da pasta das Mulheres e Família, afirmou que apesar da existência de vários documentos jurídicos, o país continua a enfrentar todos os tipos de violência contra as meninas e a violação dos seus direitos.
Assegurando que as mulheres e crianças são mais ignorados na esfera de tomada de decisão.

Portanto, considera imperativo a sensibilização e a promoção das práticas nefastas a mulheres e crianças.

A Presidente da RENLUV, Aissato Camará Indjai, falou das dificuldades das mulheres durante o período da pandemia, onde foram registradas várias práticas prejudiciais à saúde da mulher, violação contra crianças e mulheres, apresentando os dados de 325 casos de denuncia de diferentes tipos de violência nas mulheres e crianças. E isso influencia negativamente na vida futura dessas crianças.

Lançou um apelo aos país e encarregados de educação que comecem a educar os filhos na base de igualdade de gênero e escolarizar as filhas para que sejam autónomas. E ao governo que, provem ações que estimulem um compromisso social no sentido de prevenir e, eliminar todas as formas de violência contra mulher elabore um orçamento sensível ao gênero.

Para a representante da HCR na Guiné-Bissau, Eunice Lopes Queita, as agências das Nações Unidas continuarão a colaborar com a Guiné-Bissau em todas as áreas para haja uma maior interação entre o governo e a sociedade civil para que possam atingir toda a população em geral.

A jornada tem como lema “ Pinte o mundo de laranja: Lute contra a violência baseada no gênero durante a pandemia de covid-19. Iniciou hoje com a comemoração do dia Internacional da luta contra violência na mulher e termina no dia dez de Dezembro que é o dia Internacional dos direitos humanos.

Comentarios
estámos no facebook

cap gb o amanha começa aqui

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante:

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ligue-nos

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x