Mali: Choguel Kokalla Maiga nomeado primeiro-ministro

No Mali, o Presidente Assimi Goïta, recentemente confirmado como Presidente da Transição, o Chefe de Estado acaba de nomear Choguel Kokalla Maiga como Primeiro-Ministro. É responsável pela formação de um governo de base alargada.

Engenheiro e doutor em telecomunicações por profissão, o novo Primeiro-Ministro é próximo do antigo Presidente Moussa Traore. Choguel Kokalla Maiga nasceu em Tabango, na região de Gao, em 1958.
Era membro da União Nacional da Juventude do Mali, uma associação fundada pelo regime ditatorial.

Em Fevereiro de 1997, tornou-se presidente do Movimento Patriótico para a Renovação (MPR), um partido político que alega ser liderado por Moussa Traoré.

Isto não é tudo, porque em 2002, Choguel Kokalla Maiga concorreu à presidência onde obteve 2,73% dos votos na primeira volta antes de apoiar Amadou Toumani Touré na segunda volta.

Para as eleições legislativas de 2002, juntou-se a Ibrahim Boubacar Keïta’s Rassemblement pour le Mali (RPM) e ao Congrès national d’initiative démocratique (CNID) na coligação Espoir 2002.

Choguel Kokalla Maïga foi Ministro da Indústria e Comércio nos governos de Ahmed Mohamed ag Hamani de 16 de Outubro de 2002 a 28 de Abril de 2004 e Ousmane Issoufi Maïga de 2 de Maio de 2004 a 27 de Setembro de 2007.

Para as eleições presidenciais de 2007 no Mali, Choguel Kokalla Maïga apoiou a candidatura do presidente cessante Amadou Toumani Touré.

Em Janeiro de 2008, foi nomeado director do Comité de Regulação das Telecomunicações (CRT). Figura de proa do movimento patriótico de Junho de 2020 (M5-RFP), Choguel Kokalla Maiga, é agora quem vai organizar as eleições presidenciais e legislativas em 2022.

Autor: CAP-GB

Partilhe este artigo

cap gb o amanha começa aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante: