JPRS: solicita concepção e implementação de políticas públicas viradas a juventude

O Secretariado Nacional de Juventude do Partido da Renovação Social recomendou esta quinta-feira 05 de Novembro de 2020 ao governo guineense uma rápida concepção i implementação das políticas públicas que respeita a carta africana da juventude e criação de mecanismos coerentes e eficazes para a promover transparência e combate a corrupção.

Recomendações feitas no ato de encerramento do segundo fórum Político-juvenil para a Governança alusiva a jornada comemorativa do dia Africano da Juventude que se assinala em cada ano no dia dois de Novembro.

Na ocasião os participantes aconselham a abertura e criação de um espaço de concertação e debate sobre agenda nacional de juventude, promoção da ética e moral no exercício político no seu da juventude e na administração pública, renunciar de ser usados na caça aos votos e procurar fortalecer as suas influências face aos valores da democracia.

Os jovens, recomendam ainda que seja valorizada a capital humano e que os jovens sejam incluídos nas listas a deputados e nos elencos governamentais Promoção da diversificação económica i infra-estruturação do país e financiamento da economia nacional.

O fórum que teve lugar numas das unidades hoteleiras de Bissau contou com a participação de altos dirigentes do partido tendo congregado cerca de 100 jovens, dentre os quais, lideres juvenis de diferentes partidos políticos e da sociedade civil guineense.

Subordinado ao lema ” Juventude Pró-ativa para a Estabilização e Desenvolvimento Socioeconómico da África e Guiné-Bissau”.
Para o Porta-vos da Juventude do PRS Uffe Vieira, defendeu que independentemente das ideológicas políticas e socais os jovens devem definir estratégias comuns baseados numa maior unidade coesão e solidariedade virado a revuguniscimento da sociedade juvenil guineense e do continente Africano.

Presente no ato, o Presidente da Rede Nacional das Associações Juvenis (RENAJ) Seco Duarte Nhaga alem realçar o nível da organização do segundo fórum, afirmou que a juventude guineense está preparado para assumir os desafios do desenvolvimento do país. Contudo, afirma que para que isso aconteça, é fundamental que o pensamento dos jovens esteja estruturado e bem definido com vista atingir o objectivo almejado.

Saliente-se que durante o fórum foi debatido tema como Importância e dimensão estratégica da Carta Africana no contexto de participação juvenil no desenvolvimento nacional e continente, Importância da liderança juvenil no processo de reconstrução da África, Transição económica e a democracia, Independência e democracia o valor do Estado e por último Importância do diálogo estruturado e inclusivo na resolução dos problemas sociopolíticos.

Comentarios
estámos no facebook

cap gb o amanha começa aqui

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante:

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ligue-nos

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x