Intensificam debates a volta do levantamento da moratória de abate de árvores.

Depois dos ativistas ambientais, agora é a vez da Associação das Indústrias Madeireiras da Guiné-Bissau, posicionar-se contra decisão do governo.

Hoje, em conferência de imprensa o presidente da organização denunciou abate, neste momento de árvores a nivel das regioes sobretudo em Mansaba.
Ainda segundo José António Sá, mal a moratoria foi levantada as pessoas começaram a escoar os troncos para o centro da cidade, acaretando prejuizos aos madeireiros.

O responsavel sustenta que, a decisão de levantar a moratória não lhes favorece.
António Sá acusa diretamente o primeiro-ministro, Nuno Nabiam, de montar uma cerração privada em Bissau.

Comentarios
estámos no facebook

cap gb o amanha começa aqui

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante:

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ligue-nos

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x