Guine Conacri: As investigaçoes indicam que jovem Lamarana Djaló foi baleado

O jovem Mamadou Lamarana Diallo, que morreu na quinta-feira durante os movimentos que pontuaram a greve do Sindicato Livre dos Professores e Investigadores da Guiné (Slecg), foi de facto atingido por balas, confiou-nos esta sexta-feira uma fonte hospitalar.
Segundo o médico, que foi contatado nos subúrbios da capital e que falou sob condição de anonimato, “o jovem recebeu a bala fatal por trás, ao nível da omoplata, à esquerda. Ele foi recebido primeiro numa primeira clínica, depois noutra. Este último colocou o que chamamos “um dreno”. Quando perceberam a gravidade da lesão, pediram à família que o enviasse a Ignatius Deen. Ele morreu no caminho”, disse-nos a nossa fonte laconicamente.
Além disso, segundo as nossas informações, Mamadou Lamarana Diallo vivia na Europa há 4 anos. Ele tinha vindo de férias por alguns meses quando foi morto a tiro atrás da concessão deles, enquanto ele e seu irmão preparavam o batismo da criança de um de seus membros.

Comentarios
estámos no facebook

cap gb o amanha começa aqui

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante:

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ligue-nos

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x