Guerra russo-ucrania: guineenses evacuados para polonia e outros países

Por: Laércia Valeriana Insali

Ministério dos Negócios estrangeiros, cooperaçao internacional e das comunidades, anunciou esta segunda-feira 07/03/2022 a retirada de seis cidadãos guineense residentes na Ucrânia para Polonia e Angola e três já tinham saído antes da sua intervenção.

Conforme comunica o Ministério dos negócios estrangeiros, a retirada e evacuação destes cidadãos foi graças a relação e acordos de proteção consular que a Guiné-Bissau assinou com alguns países da CPLP, CEDEAO, solidariedade Africana e algumas organizações não governamentais.

A representação da diplomacia guineense assegura prosseguir com contatos para indentificar ainda mais cidadãos e protege-los da guerra entre Ucrânia e Russia.

Salientar que, no meio da guerra, milhares de estudantes africanos residentes na Ucrânia e Russia foram retirados por esforço dos seus países mas alguns ainda não conseguiram refugiar, e alguns países europeus solidarizaram com a Ucrânia, recebendo familias refugiados.

Autor: CAP-GB

Partilhe este artigo

cap gb o amanha começa aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante: