(Finanças) DGCI: Sindicatos reivindicam 9 meses de Salários em Atraso

Os Sindicatos da direção geral de contribuição e Imposto( SINFI e SDFI-GB, realizaram esta segunda-feira 26 de Abril de 2021, uma conferência de imprensa para tornar público a situação em que à classe se encontra.

Na ocasião, o Presidente do SINFI (Sindicato Nacional dos Funcionários dos Impostos da Guiné-Bissau) Armando Djassi, disse que uma casa de receita é um setor vital e extremamente importante para o País, e exige grande condição para os funcionários, mas devido algumas dificuldades que enfrentam nesta instituição fizeram uma sensibilização a todos os funcionários para reivindicar os seus direitos por via greve que começou hoje com duração 17 dias e já tem aderência de 95% dos Funcionários desde Bissau ate as delegacias regionais. E disse que caso não forem convocados a negociação vão persistir até encontrarem a solução.

Perante estas situações, Djassi informou que estão exigindo melhores condições de trabalho, falta de materiais inclusive falta de papel A4 para trabalhar e o melhoramento do edifício que se encontra em total degradação.

E além disso, reclamam das dívidas de incentivo que rondam 2 bilhões de franco cfa e mais os 9 messes de salário em atraso

Por outro lado, o presidente de SDFI-GB (Sindicato Democrático dos Funcionários dos Impostos da Guiné-Bissau), Karim Mané, disse que, enquanto funcionários de Contribuição e Imposto sabem qual é impacto dos seus trabalhos na administração do País, uma vez que produz grande rendimento econômica para o país, por isso, não podem continuar a ser marginalizados e desvalorizados profissionalmente e ainda por cima, toda a conquista voltou a estaca zero com implementação de imposto de democrática, no momento difícil com a pandemia de covid19.

De salientar que, os dois frentes sindicais exigem pagamento de salários, pagamento do incentivo e contratação dos Funcionários em regime de estágio são um dos pontos mas importante na caderno de reivindicação, os outro pontos estão elencados no caderno de reivindicativo que se segue.

Foto e texto: Lijunira Nancassa

Autor: CAP-GB

Partilhe este artigo

cap gb o amanha começa aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante: