Festa de Páscoa: Ministério do Interior disponibiliza 3.500 efetivos para manter ordem

No âmbito das celebrações da festa de Páscoa, o Ministério do Interior, através do comissário nacional de operações e segurança, anunciou esta sexta-feira 02 de Março de 2021, que 3500 efetivos da força de ordem vão começar apartir de hoje uma patrulha em todo o país para manter ordem e fazer respeitar o decreto do governo sobre o Estado de Calamidade em vigor no país.

Num comunicado à imprensa lido na voz do Comissário Nacional Adjunto da Operação e Segurança Júlio Sanca, a instituição que tem por missão manter ordem e segurança aos cidadãos apela uma colaboração de todos no que diz respeito ao respeito as medidas estabelecidas pelo governo prevenindo a propagação da pandemia da Covid-19.

” Sabendo que a festa de Páscoa costuma levar muitas pessoas para os Pikiniquis em diferentes praias do país. Este ano, tendo em conta a pandemia da Covid-19, as forças de ordem chamam atenção a população em geral e em particular os jovens de que está proibida qualquer tipo de manifestação cultural ou aglomeração de pessoas conforme referido no decreto ” Disse

O decreto do Estado de Calamidade em vigor, proíbe realização de eventos sociais, religiosos, culturais e políticos que impliquem aglomeração de mais de 25 pessoas, tais como Toca-choros, Djambadons, Cussundés, Gammos, Comícios, Reuniões, Fanados, funcionamento de descotecas, locais de diversão são proibidos ou de atividades culturais e artísticas.

Instado a pronunciar sobre as sucessivas denúncias da prática de Toca-Choro no setor de Canchungo, norte da Guiné-Bissau, Júlio Sanca confirma o fato tendo anunciado que ainda esta semana, na tentativa de proibir essa prática, houve confronte entre agentes de polícia de ordem pública com os populares da zona.

O também primeiro Superintendente pede compreensão dos guineenses e aconselha ainda para ” quem beber álcool que não conduza e quem conduz que não beba “

Questionado sobre as medidas que proibe circulação de viaturas com vidros escuros, que ainda continua a verificar Sanca apesar de apelar prudência, assegurou que a polícia de trânsito tem feito um trabalho de apreensão das referidas viaturas.

Dados apurados pela Cap-GB, indicam que já se reuniu todas as condições logísticas para o início ainda hoje da referida patrulha em todo o território nacional.

Saliente-se que a Sexta-feira santa é dai de Jejum, penitência, adoração e de servir o próximo.

A Páscoa é uma celebração cristã comemorada anualmente ao domingo, conhecido como Domingo de Páscoa. É uma festa móvel, ou seja, a data de comemoração varia a cada ano.

Acontece sempre no domingo depois da primeira Lua cheia do equinócio, o que, por norma, costuma se realizar entre os dias 22 de março e 25 de abril. A data foi definida desta forma pelo fato de a Páscoa ter origem judaica, e a celebração da Páscoa judaica ter início no equinócio.

Autor: CAP-GB

Partilhe este artigo

cap gb o amanha começa aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante: