Estudantes inscritos na Universidade lusófona de Lisboa marcham a frente da embaixada de portugal em Bissau.

Estudantes inscritos para bolsa de estudo na universidade Lusófona de Lisboa manifestaram hoje, 12 de Março de 2020 frente a embaixada de Portugal para exigir vistos.

De salientar que estes inscreveram desde o mês de junho do ano passado e até agora não conseguiram vistos.
E em cada 3 mêses renovam os documentos e fazem pagamento das propinas sem estudar,
E para estes, o que mais lhes preocupa é o pagamento da propina e os semestres já perdidos.

Durante a manifestação, o coordenador do coletivo dos estudantes inscritos, Aliu Baldé teve uma conversa a porta fechada com o Cônsul da embaixada, a saída ele disse que o Cônsul explicou o motivo pelo qual não os concedeu o visto e que a própria universidade deve fazer inscrição para o grau da licenciatura ao em vez das cadeiras isoladas o que não entra na programa de visto estudantil. Ainda o Cônsul os aconselhou exigirem a retificação nas inscrições para o curso que pretendem para licenciatura só assim beneficiarao dos vistos.

Comentarios
estámos no facebook

cap gb o amanha começa aqui

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante:

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Ligue-nos

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x