Dia dos heróis nacionais: Presidentes Embaló e Fonseca, depositam coroa de flores na fortaleza de Amura.

Os Presidentes da república da Guiné-Bissau e de Cabo Verde, Umaro Sissoco Embaló e Jorge Carlos Fonseca, respetivamente depositaram esta quarta-feira 20 de Janeiro de 2021, coroa de flores no Mauseleu de Amílcar Cabral e demais combatentes na fortaleza de Amura, em Bissau.

Depois de deposição de coroa os dois chefes de estado acompanhados do chefe estado maior general das forças armadas Biagué Nam Tam visitaram os museus de luta armada.

Falando aos jornalistas, o presidente Jorge Carlos Fonseca, manisfestou a sua satisfação tendo afirmado que Amílcar Cabral é símbolo de referência de luta de libertação de Guiné-Bissau e Cabo Verde.

” É com muito gosto que deposito coroa de flores no tumulo de Amílcar Cabral que é referencia maior da luta da libertação nacional e demais heróis nacionais que sacrificaram as suas vidas para a libertação dos dois estados. Portanto a minha presença é uma homenagem especial que o povo cabo-verdiano através do seu presidente presta Amílcar Cabarl e todos os heróis cabo-verdianos que protagonizaram a luta de libertação nacionais dos dois povos”. Disse

Jorge Carlos Fonseca, disse estar convencido que a sua visita a Bissau é uma nova alargada de cooperação entre os dois povos.

“A visita decorreu muito para além daquilo que suponhava a recepção das autoridades guineenses foi muito amistosa, fraternal e calorosa e do povo anónimo também só pode ser expressão de que os guineense e cabo-verdianos querem retomar o relançamento que corresponda ao estado forte, histórico e cultural entre os dois povos. Asseverou

Jorge Carlos Fonseca disse ainda que no encontro tido ontem com o primeiro-ministro Nuno Gomes Nabiam foi analisado a possibilidade de reatar a comissão mista bilateral entre os dois países nomeadamente, nos setores de transporte aéreo e marítimo, formação de quadros, economia azul e do mar, da administração governação electrónica e das pescas.

Já o Presidente Guineense, Umaro Sissoco Embaló, considerou a visita de positivo, uma vez que segundo ele, Guiné-Bissau e Cabo Verde têm um ponto comum importante e partilham mesmas organizações nomeadamente, Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental, (CEDEAO), Comunidade dos Países da Língua Portuguesa (CPLA), União Africana (UA) e Nações Unidas (NU). Tendo sublinhado que a união dos dois estados vai proporcionar muita diferença.

” Como sabem somos dois países da expressão portuguesa na CEDEAO e hoje estamos com uma presença mais forte e na última cimeira de Niamey, falamos e concluímos que será a primeira vez que um país lusófono vai presidir a cimeira dos chefes de Estado da CEDEAO ” concluiu

Comentarios
estámos no facebook

cap gb o amanha começa aqui

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante:

Ligue-nos

Share on Social Media
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x