Covid-19: Guiné-Bissau regista 3 mortos e 290 novos casos de infecção

Por: Epifania C. Gomes

O alto comissariado para covid-19 da Guine-Bissau, anunciou esta segunda-feira, 09.08.2921, que o pais registou 3 óbito e 290 novo casos positivos da infeção, 217 foram dados como recuperados e 290 ativos.
Os dados foram avançados pôr secretário do Alto comissariado na habitual atualização semanal sobre a evolução da doença na Guiné Bissau.


De acordo com Plácido Cardoso, durante a semana foram analisadas 2.058 novas amostras das quais 3 óbito, 290 positivos, 217 recuperados e 290 ativo e destes ativos 11 estão hospitalizados.

Perante a situação Plácido disse que o contágio no sexo feminino está ganhando proporção em relação ao termo masculino e em termo de óbitos a faixa etária maior de 64 anos de idade continua com maior número de óbitos. E promete a extensão das atividades de vacinação no resto das regiões que até aqui não tinham conhecido atividade de vacinação.

No que diz respeito ao aumento dos casos no país o secretário alega que já fizeram uma recomendação ao governo, que para ele deve haver uma reunião a nível do governo e breve saberão qual será a medida a ser tomada.

Por fim Cardoso apela a população Guineense a retomarem a observação , obediência ao uso das mascaras deve ser imperativo, respeito distanciamento social. Acima de tudo pessoas devem se vacinar porque é um dos meio seguro de proteção e todas essas medidas juntas poderão diminuir o risco de contaminação.


De recordar que o Governo da Guine-Bissau através do Ministério da Saúde Pública recebeu no último sábado 07 de Agosto Corrente 302,400 novos doses de vacina Johnson Johnson contra Covid-19 , Com o apoio do Governo dos Estados Unidos da América e os parceiros da iniciativa COVAX.
O apoio das EUA visa alargar a vacinação em todo o território Nacional como forma de ter mais Número de pessoas vacinadas contra novo Coronavírus

Autor: CAP-GB

Partilhe este artigo

cap gb o amanha começa aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante: