Cipriano Cassamá tenciona ver reforçada relações do comité interparlamentares da UEMOA

DE: Martinho Mendes

O Presidente da Assembleia Nacional Popular Cipriano Cassamá, pretende ver reforçada relações de comitê interparlamentares ao nível do espaço dos Países da União Econômica e Monetário do Oeste Africana (UEMOA).

O desejo do Cipriano Cassamá foi transmitido este sábado, 19-06-2021, ao presidente da comissão da UEMOA durante uma visita que lhe concedeu na sua residência em Bissau.

A saída do encontro, o presidente da comissão da UEMOA Abdulai Diop, disse que anotou com elevada atenção a preocupação de Cipriano Cassamá em impulsionar o normal funcionamento da comité interparlamentares da UEMOA.

“Iniciei um tournée a nível dos países da UEMOA, para auscultar e escutar os parlamentares como representantes do povo para melhor agir e também em observância das instituições particulares”, explicou.

Diop fala da vocação da UEMOA enquanto organização de braço econômico e financeiro trabalha para servir as populações dos países membros da uemoa assim como os da sub-região.

Économia e Finanças

Na mesma circunstancia o Diop manteve um encontro com o ministro das finanças João Alaje Mamadú Fadia, no qual debateram situação das finanças nacionais.

O novo Presidente da Comissão  da União Económica Monetária Oeste Africana, (UEMOA), Senhor Abdoulaye DIOP promete prosseguir com a assistência financeira da união à Guiné-Bissau tendentes a superar os desafios económicos existentes.

 Presidente da Comissão da (UEMOA) enfatizou acções desenvolvidas pelo Ministro das Finanças, gerando melhorias no sector.

A ocasião serviu para o Ministro das Finanças solicitar ao Presidente da Comissão da (UEMOA) uma assistência técnica na gestão e arrecadação dos impostos.

DIOP reconheceu a sua pertinência e, promete estudar o pedido de assistência técnica mais alargada à Guiné-Bissau, tendo mesmo referido solicitações similares no Senegal e na Costa do Marfim.

Daí que, referiu também a importância  de apoiar o país na consolidação, e cobranças de alguns impostos, nomeadamente IVA. Ainda, Senhor DIOP abordou com o seu interlocutor guineense, a necessidade de transposição de directrizes da (UEMOA), tendo mencionado a tradução de documentos relevantes da União.

De igual modo, o Ministro das Finanças disse ter ‘informado detalhadamente’ ao senhor DIOP da situação financeira actual da Guiné-Bissau, tendo destacado, Dívidas  e Orçamento-geral do Estado, sobre os quais, o país aguarda um apoio da UEMOA.

De referir que, o Presidente da República Umaro Sissoco Embaló, recebe amanhã no Palácio da Rosa o novo presidente da comissão da UEMOA.

Autor: CAP-GB

Partilhe este artigo

cap gb o amanha começa aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante: