Cidade financeira de Casablanca, um Hub financeiro global

Em apenas 10 anos de existência, a Cidade Financeira de Casablanca (CFC) conseguiu posicionar-se entre os principais centros financeiros mundiais. Tornou-se o principal centro financeiro africano e ocupa o 33º lugar no mundo, de acordo com o último Índice de Centros Financeiros Globais (GFCI).

Um posicionamento que se enquadra bem nos objectivos e ambições deste grupo que sonha com os 5 primeiros dos melhores centros financeiros internacionais. Desde o seu lançamento em 2010, o grupo tem atraído muitas entidades de renome, sejam elas bancárias, imobiliárias ou industriais.

Segundo as estatísticas oficiais actuais, mais de 200 empresas pertencentes a diferentes sectores de actividade depositaram a sua confiança no CFC. Isto a fim de impulsionar o seu desenvolvimento em África, tirando partido de uma proposta de valor atractiva e de um apoio de “fazer negócios” de qualidade. Graças a um ambiente empresarial favorável, o CFC é o lar de muitos líderes internacionais presentes no ranking da Fortune 50.

A entidade desenvolveu a sua rede de cooperação com os principais centros financeiros mundiais, estabelecendo-se como uma porta de entrada continental para os investidores internacionais e um actor importante na promoção das relações comerciais entre Marrocos, África e o resto do mundo. Em Singapura, Londres, Luxemburgo, Montreal, Paris, Astana, Busan, e recentemente em Joanesburgo, a conectividade do CFC à escala global resultou em nada menos que 15 parcerias com os maiores centros financeiros internacionais e 20 parcerias Sul-Sul.

Além disso, o CFC é um parceiro com 19 centros africanos de promoção de investimentos, actuando assim como um intermediário para as empresas marroquinas no continente. O seu envolvimento na influência, atractividade e competitividade de Marrocos e do continente impulsionou o centro financeiro ao nível dos mais importantes centros financeiros internacionais.

Financialafrik

Autor: CAP-GB

Partilhe este artigo

cap gb o amanha começa aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante: