Celebra-se hoje, o dia mundial da segurança ao doente.

No comunicado de imprensa para as celebrações, o directora-geral da OMS para África afirma que, os cuidados de saúde de qualidade constituem o primeiro passo para não causar danos.

De acordo com o documento o responsavél sustenta que, celebramos hoje 17-09-2020 o Dia Mundial da Segurança do Doente porque, para prestarmos cuidados de saúde de qualidade, o primeiro passo é não causar danos. No entanto, todos os anos, nos hospitais de países de baixo e médio rendimentos em todo o mundo, ocorrem 134 milhões de eventos adversos devido a cuidados pouco seguros, contribuindo para 2,6 milhões de vidas perdidas.

A pandemia de COVID-19 reafirmou que, para manter os doentes seguros, os profissionais de saúde devem ser protegidos. Por isso, o tema retido para a edição deste ano é “Segurança dos profissionais de saúde: Uma prioridade para a segurança dos doentes”.

Os profissionais de saúde na linha da frente correm maior risco de infecção devido aos cuidados que prestam aos doentes. Na Região Africana da OMS, mais de 41 000 profissionais de saúde foram infectados pela COVID-19, representando 3,8% de todos os casos notificados. Alguns países, como a Côte D’Ivoire e a Serra Leoa, fizeram progressos na redução da percentagem de infecções nos profissionais de saúde. Outros, como a Eritreia, o Ruanda e as Seicheles, não registaram um único caso de COVID-19 entre os profissionais de saúde.

Ainda segundo ele proteger os profissionais de saúde da COVID-19 é contribuir para uma maior segurança dos doentes, em colaboração com os parceiros e as autoridades nacionais e provinciais, a OMS formou mais de 50 000 profissionais de saúde na Região Africana em prevenção e controlo de infecções, e prevê formar mais 200 000.

Cerca de 31 milhões de artigos de equipamento de protecção individual foram enviados para os Estados-Membros e estão a ser elaborados documentos de orientação sobre as melhores práticas de cuidados para apoiar a criação de ambientes propícios à segurança dos profissionais de saúde e dos doentes.

O documento afirma que, anualmente realizam-se cento e trinta e quatro milhões de eventos, nos diferentes hospitais de países de baixo e médio rendimento.

Para directora-geral da OMS para África, Matshidiso Moeti, devido poucos cuidados de seguros, em consequência 2,6 milhões de pessoas perdem vida.

Também, na mensagem alusiva a a data, a directora-geral disse que a covid-19 reafirmou que para manter os doentes seguros, os profissionais de saúde devem ser protegidos.

Também Matshidiso Moeti disse que, mais de quarenta e mil técnicos de saúde foram infectados pelo novo coronavirus, em África.

Ainda, na sua comunicação sustenta que, a segurança dos doentes é uma componente essencial no reforço dos sistemas de saúde para se alcançar cobertura universal, destacando a segurança dos doentes como um componente essencial no reforço dos sistemas de saúde para se alcançar a cobertura de saúde a nivel mundial, e isto requer colaboração e comunicação aberta entre as equipas multidisciplinares de cuidados de saúde, os doentes e as organizações de doentes, bem como entre as associações profissionais e outras partes interessadas.

Devem ser tomadas medidas para compreender a magnitude dos danos causados aos doentes, incluindo através de um sistema transparente de notificação de incidentes que permita aprender com os erros cometidos e o tratamento de eventos adversos sem a procura de culpados. Os doentes e as suas famílias devem poder tomar medidas preventivas e sistemáticas de forma a contribuírem para a melhoria da segurança dos cuidados e para reduzir os riscos para todos, em particular os grupos de risco que incluem pessoas com deficiência e pessoas idosas.

Para poder tornar os cuidados de saúde mais seguros é necessário adoptar políticas centradas no doente, reestruturar os processos existentes, reforçar as práticas de higiene e transformar as culturas organizacionais.

É por isso que hoje apelo a todos para que trabalhemos em conjunto de forma a proteger os profissionais de saúde para que possam proteger os doentes em ambientes favoráveis e propícios à prestação de cuidados de saúde de qualidade.

Comentarios
estámos no facebook

cap gb o amanha começa aqui

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Subscreva email noticias

capgb info email seja assinante:

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x