Caso Mbatonha: Ministro do Ambiente diz que espaço nao é protegido de nenhum selo ambiental

Por: Ussumane Baldé

Bissau, 06/01 /2023, Em conferência de imprensa o ministro do Ambiente e da Biodiversidade afirma que o espaço Mbatonha não tem nenhum estatuto sob ponto vista ambiental e dasafia ambientalistas aprovarem o contrário.

Eng° Viriato Luís Soares Cassama reconheceu a importância ecológico do espaço mas, garante que em nenhum momento foi inscrito nas leis das áreas protegidas e lançou duras críticas aos ambientalistas que segundo ele estão a criar “caos gratuito” na sociedade guineense.

“Eu enquanto ministro da tutela e conhecedor da área desafio todos os ambientalistas que acham que estamos a violar leis da natureza,aliás,em nenhum momento o espaço Mbatonha foi registado como área protegida”.

Ainda o governante disse que o espaço não é considerado zona Ramsar e nem tão pouco reserva biosfera e muito menos inscrito como parque hurbana no sistema.

“Reafirmo em viva voz,espaço Mbatonha não está registado nas áreas protegidas e muito menos pertencer,zona Ramsar, reserva biosfera ou como um parque hurbana”.

Emfim,o Ministro afirmou que o jogo político tem envolvido nas várias Contestações verificadas nos últimos dias e apelou os guineenses distanciarem de separação de religião ou cor.”

“Jogos políticos não nos devem dividir, nunca o executivo jamais vai pensar na violação da natureza, pelo contrário somos defensores número um.

De realçar que ontem, as organizações da sociedade civil da Guiné-Bissau saíram as ruas em protestos contra as obras iniciadas no espaço denominado Mbatonha e o presidente da república Umaro Sissoco Embaló tinha afirmado a continuidade das obras.

Autor: CAP-GB

Partilhe este artigo

cap gb o amanha começa aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante: