Ativista Social preocupado com a atual situação política na Guiné-Bissau

O ativista Social, Taylor António Vieira, expressou esta quinta-feira 22/04/2021, o seu desagrado sobre as situações políticas vivenciada atualmente.

Taylor António, apresentou suas preocupações junto a imprensa sobre alguns acontecimentos que é do seu desagrado que o país vive nos últimos tempos.

Uma das suas preocupações é o espancamento de alguns cidadãos como é o caso dos ativistas, jornalistas e deputados, e ainda estão sendo perseguidos em pleno exercício de suas funções.

E um outro assunto que mereceu atenção pelo ativista, é a questão do Barco que transportava para zonas insulares, e que devido o conflito político o Ministério do Interior ordenou suspender a transportação que segundo rumores iria facilitar o transporte do Ex Primeiro Ministro Aristides Gomes para Conakry.

Mas devido falta meios de transportes, Taylor, que é também um dos filhos dessas zonas, afirmou que já marcaram vários encontro com o Ministro do Interior Botche Cande para tentar solucionar este problema, mas sem resposta, por isso apela o para permitir a circulação desta embarcação.

Por outro lado, manifestou revoltado com o aumento de impostos, considerando que num momento em que o mundo padece com a maior crise econômica não é conveniente aumento de taxas a população, apesar de na Guiné-Bissau já iniciaram as campanhas para comercialização de castanha de caju que é um período mais esperado por todos e em particular as das zonas rurais, mas segundo o ativista nas zonas insulares as castanhas não estão sendo compradas no preço estipulado que é de 360, e sim 250 a 300 francos CFA.

Face estes sucedidos, Taylor Vieira considera que o atual governo liderado pelo Eng. Nuno Gomes Nabian, não está em condições de conduzir o país, assim sendo, exige do Presidente da República Umaro Sissoco Embaló a demissão do seu executivo.

Autor: CAP-GB

Partilhe este artigo

cap gb o amanha começa aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante: