157 Oficiais de Justiça receberam seus Diplomas de Formação

Por: Laércia Valeriana Insali

O Ministério da justiça em parceria com o Centro formação judiciária, entregaram esta quinta-feira 15 de julho de 2021, diplomas aos 157 oficiais de Justiça que estiveram no formação durante 5 meses.

A primeira formação destinado a 157 oficiais de Justiça recrutados mediante um concurso público, foi coordenado pelo centro de Formação judiciária em parceria com a faculdade de direito de Bissau e a Escola Nacional de administração, com apoio do programa das Nações Unidas para o desenvolvimento.

Para o ministro da Justiça a classe dos Oficiais de Justiça desempenha uma função Nobre na arquitetura judiciária e tem um papel fundamental na promoção e Restauração da imagem da justiça, portanto, esta formação visa dotar os formandos com conhecimentos teóricos e práticos relativo a carreira de oficiais de Justiça e que Futuramente facilitará o exercício das suas funções nos diferentes cartórios e secretarias judiciais de tribunais.

“Este curso proporcionou habilitações profissionais necessária para ingresso e progressão destes Oficiais, e não só, foi feita tendo em conta a necessidade do país, levando em consideração a aposta do governo na reforma do setor da Justiça e para resolução de litígios” afirmou

Iaia Djalo, garantiu que o governo vai continuar a apostar na formação e reciclagem dos profissionais de Justiça através do CENFOJ, um parceiro que tem vindo a contribuir de forma decisiva na melhoria do sistema judicial Guineense.
Da mesma forma, para o Representante do PNUD, o recrutamento dos Magistrados e Oficiais de Justiça permitirá o melhor funcionamento dos tribunais que nem sempre operam de forma modelar por falta de recursos humanos.

Por sua vez, Diretor do Centro de Formação Judicial, João Mendes, disse que o CENFOJ como sendo um centro de formação especifico na área de justiça em articulação com o governo e seus parceiros, continuar-se-á a criar condições possíveis e adequados para minimizar a carência dos operadores da Justiça. E apela aos recém formados a dignificar seus canudos que ao longo de formação conquistaram.

Autor: CAP-GB

Partilhe este artigo

cap gb o amanha começa aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva email noticias cap-gb

capgb info email seja assinante: